quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Em silêncio.



Sei o qnto pensa em mim,
o qnto me deseja
e me leva em seus sonhos.
Sei de sua timidez e de seus medos
do receio de me procurar
temendo um desprezo.
sei dos toques sozinhos
sentindo o toque meu.

Desejo vc tbm, 
desejo que se aproxime e quebre 
este gelo, 
mas seu medo,
sua distancia...

o que estamos fazendo de nossas vidas?
A promessa não era essa!
Mas eu tbm não tive palavra.

♥♥♥

20 comentários:

Anja Rakas disse...

Ora..promessas...poucos são os que cumprem a risca!!!
HOMENS..PRECISA-SE.

Beijao doido

João da Silva disse...

Nandinha, linda... que texto forte, intenso, ufffaaaa!
Beijinhos carinhosos do João! Muitos, muitos, muitos!

Lucí disse...

Humm..te alguém ai que anda sumidinha!..

Encontro e desencontros..
Promessas de amor nunca são cumpridas...

Bjooo, te cuida.. bom final de semana!

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Nanda, um texto belíssimo e muito forte, mas é assim a vida, temos que lutar por aquilo que queremos... Votos de bom fim de semana... Beijinhos de carinho e ternura...
Fernandinha

paula barros disse...

Esse silêncio é o tipo de silêncio que faz barulho, incomoda.

Promessa, saudades, vontades...

bom final de semana.bjs

tossan disse...

É...é forte mesmo! Mas é pra pensar. Gostei Nanda. Bj

vanessa lopes disse...

mulherrr
essa foto!!!
adorei o texto...
cada dia melhor
muito bom dona Nanda!
beijão...

Quase Trinta disse...

Eu quero alguém q pense assim e tenha um desenho assim por mim... logo eu acho...rs

Melsavinon disse...

As vezes a gente tem que fazer alguma coisa não é?
Outras vezes é só esperar...
Promessas são a tentativa de sermos felizes ao lado de alguém...
Porém não somos perfeitos...infelizmente!
Gostei do texto.
bjos

janelasdavida disse...

Humm, pude viver esse poema... belas palavras, doces sentimentos... Bjos!!!!!!

... disse...

Um poema muito intenso, e me fez lembrar uma música do Legião Urbana que num trecho diz : " Lembra que o plano era ficarmos bem..." Nem sempre tudo sai conforme os planos...
Belo poema...
Vim retribuir a visita ao blog que escrevo em parceria,o Infinito Particular.
Seja sempre bem vida por lá.
Grande abraço.
Glaucia

Gerlane disse...

Mas, é isso, Nanda: relações afetivas geralmente não são fáceis e nem previsíveis.

*Beijos pra ti!

mundo azul disse...

Talvez esteja deixando passar um tempo valioso!

Doces apelos em seus versos!

Beijos de luz e o meu carinho...

meus instantes e momentos disse...

Muito bom o texto Nanda, é bom voltar aqui.
Tenha um feliz domingo.
Maurizio

Avid disse...

Strong words...Promessas.
Bjs meus

Avid disse...

Strong words...Promessas.
Bjs meus

Lampejos disse...

Nanda,

Às vezes o silêncio é a melhor voz para falar a alma.

Bela postagem!...

(a)braços,flores,girassóis:)

MADRUGADA... disse...

Na redundante promessa cria-se um fio abstracto da incerteza de cumpri-la.

Cumprimentos.

MADRUGADA... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Moura ao Luar disse...

Segue em frente, acredita no teu instinto, nos teus desejos, o medo só nos faz andar para trás. Beijo