quarta-feira, 12 de maio de 2010

Viagem


Esqueci meus sonhos esquecidos
numa antiga mala de viagem.
A intenção era esconde-los das pessoas.
Mas vc os encontrou, e quis vesti-los.
desejei que a mala viajasse pra longe com os sonhos
que pediam para serem sonhados novamente,
diziam que valeria a pena,
e vc vestido com eles, me fez lembrar desses sonhos
e em fila, sonhei um por um com vc
e qndo sonhei os sonhos novos,
jamais sonhados misturados com
os esquecidos, os sonhos resolveram viajar
na velha mala esquecida,
e eu fui ate a estação dizer adeus com lencinho
e vc que veio do pais dos sonhos
ficou somente em meus novos sonhos
que agora tento esquece-los na nova mala.

(Nanda Assis)


7 comentários:

Everson Russo disse...

Os sonhos que nos alimentam são bons,,,,são serenos,,,mas aqueles que nos fazem sofrer,,,não,,,melhor deixa los na mala mesmo,,,sei lá,,,,tão complicado isso....beijos de bom dia pra ti.

Léo Metallica disse...

A vida tem seus momentos tristes. Ignora-los é uma falta.

Direto do Rio.
Beijos.

Dom Marcelon disse...

E vc esta cada vez melhor com seus poemas, realmente são muito tocantes, parabéns gata, tenho adorado demais seus poemas, bju grande

EDUARDO POISL disse...

Depois de 30 dias de ferias merecidas e com saudades dos amigos blogueiros, volto aqui para matar esta saudades do teu blogger e disser que tudo aqui continua lindo.

Esta menagem é linda e vale a pena refletirmos ...
Nelma Yamakawa
"Educai as crianças e não será preciso punir os homens"


Abraços com todo meu carinho

Everson Russo disse...

Um lindo final de semana pra ti amiga...beijos.

Pelos caminhos da vida. disse...

Que bom se a vida nos desse só momentos bons não é mesmo Nanda?

Fim de semana de luz.

beijooo.

Vivian disse...

...o segredo é continuar
colecionando sonhos,
e comprar uma mala cada
vez maior...

rsrs

sem sonhos ngm vive, né Nandinha?

beijinhos procê!