BLOGGER TEMPLATES AND YouTube Layouts »

terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Pedido


Que eu encontre as chaves das algemas que
me prendem a você,
que todos os nós das suas gravatas em meu corpo,
se desfaçam naturalmente,
e que o aperto dos laços que nos uniu,
se laceiem para que eu possa respirar melhor.
Que esse chão que vc pisa, eu nunca mais rasteje,
que o tom da sua voz, se torne silencio,
e seu cheiro, evapore pelo ar.
Que suas mentiras eu jamais esqueça,
para que sirvam de exemplo,
que a sua doença seja sempre lembrada,
me impedindo de voltar atras,
e que eu deixe a minha alma mais leve,
meu coração mais vazio,
e prove, pelo menos um pouco, o sabor da liberdade.
Pois mesmo que meu corpo esteja livre,
minha alma será sempre submissa.

  (Nanda Assis)

2 girassóis floreceram.:

LOURO disse...

Olá Nanda !!!

Um texto/poético sublime...
Gostei!!!

Um SANTO NATAL e bom ANO NOVO...
Beijinhos de carinho e amizade,
Lourenço

Anônimo disse...

Que os meus pensamentos deixem de estar em vc, que a sua voz sai de meus ouvidos, que o sorriso que brota em sua face sai de meus olhos quando o via, mas que eu nunca perca a lembrança de ter tido vc em meus braços com o gosto do seu beijo e a suavidade de sua pele quando a tocava...JULHO