sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Palavras

,


Algumas palavras me lembram você...
Salas, quartos, vazio no meu peito!
Por do sol, represa, toalha de mesa.
Violão,mesma canção, sempre!!
Você as vezes está em tudo,
e não consigo te associar a nada do meu hoje.

Você virou saudade, paz ao lembrar.
Você virou palavras...
Sorte, corte no meu dedo, sopro seu.
Seu sopro tinha cheiro de menta, mentia muito!

Certas palavras me lembram de tudo!
Foto na parede, manga, mãos dadas ao caminhar.
Olhos verdes no sol, castanhos sempre.
Dentes, brancos, mordida no pescoço.
Marcas, cordas, gritos, dor de amor.

Você virou um jogo de palavras cruzadas...
cruzou, caminho, seguiu, sozinho.
esperei, cansei, levantei, recomecei.

Algumas palavras me lembram você...
esquecer, esquecer, esquecer...
esqueci de mim!
insonia, escrever, cansada, acredito, cheiro...
voz, crise, riso, madrugada, ronco.
Baby, bíblia, busca, barba, boca, sua!

Algumas saudades me lembram você...
Você é a minha palavra preferida.

(Nanda Assis)

4 comentários:

Cláudio Gontijo disse...

Seu espaço é múltiplo e generoso.

Parabéns!

Divulgo, de forma aleatória, o Plenitude; dedicado ao meio ambiente e à fé.

Felicidade em sua jornada.

www.verevida.blogspot.com.br

Anônimo disse...

Com sua locença, preciso expressar que Eu sou o Girassol.sem Sol, pq o meu.Amor de alma e ccorpo , ainda que separado.de mim.Eu chamo.de Meu.Sol, eu.creio.que.apenas uma nuvem nos separa, mas eu.vejo.sua Liz...se e qdo eu .ao.enxergar mais sua existencia.
AI sim, vou me render, olhar pro chao e secar.
Dan Wolf .vc é e sempre será meu Sol.

Anônimo disse...

Meu comentario é verdadeiro, nao sou menina apaixonada...é a prova de que ninghuem morre por Amao e sim pela fala do mesmo....

Anônimo disse...

girassol chapado na perna
saudades