BLOGGER TEMPLATES AND YouTube Layouts »

quinta-feira, 30 de março de 2017

Misteriosa


 :

Eu sou o que tenho por dentro.
Não sou visível a olho nu,
Não pode tocar no meu eu.
Não tenho nada do que sou aqui de fora.
Você não pode me conhecer apenas me olhando.
Não conseguirá me decifrar simplesmente.
Eu sou tão simples por fora
O que sou está por dentro,
protegido por uma barreira chamada corpo,
blindada e bem guardada.
Eu não sou tão fácil assim,
Não gosto de falar de mim,
o misterio é meu amigo,
faço dele meu perigo,
me guardo me protejo de você.
Sou dona das minhas vontades,
mas não do meu coração.
Meu corpo é uma gaiola aberta
quem eu sou é um pássaro
que não quer voar.

(Nanda Assis)


0 girassóis floreceram.: