quinta-feira, 4 de junho de 2009

Seus olhos meus.


Gosto do verde dos teus olhos
este verde grama
onde deito e rolo.
este verde água
onde mergulho fundo
no querer.
este verde mato
onde mato meus desejos
e morro de prazer.
este verde esperança
que sinto de que um dia
vc tbm vai me querer.

(Nanda Assis)

╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚╚

19 comentários:

meus instantes e momentos disse...

muito bom, gostei do teu post. gosto desse jeito solto de escrever.Desse teu jeito vontade .....
Tenha um feliz dia.
Maurizio

Loira e Morena disse...

Hummm, q linda!!
Desejo um otimo final de semana!

Beijaooo da Morena!

Roderick disse...

Deste verde azeitona, que apetece comer...

LOURO disse...

Querida amiga Nanda,

lindo este teu verde esperança!!!

Bom fim de semana,
beijinhos de carinho e amizade,

Lourenço

Sylvia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ernani Netto disse...

Olhos castanhos nem pensar né...

hahaha

Bjaum

nina rizzi disse...

que moça mais romântica :) e girassóis são minhas flores preferidas :)

a minha filha foi concebida na fronteira de sacramento e araxá. aqui em fortaleza NUNCA faz frio.

obrigada pela visita e comentário. beijo :)

Melanie Brown disse...

Que coisa Linda, adOro a coe verde...

VERTIGO disse...

"OLHOS NOS OLHOS"

BJS e tenha um ótimo fim de semana.

A.S. disse...

Nanda...

Verdes são os olhos.
Verde será o teu horizonte!...


Ternos beijos!

exoticlic.com disse...

meus olhos são verdes BRIGADA =D

Priscila Lima disse...

belos olhos verdes... belas palavras... apaixonate...
intrigante
Abraços.

Bala Salgada disse...

Quem é essa autora? Rs...Muito bonito e bem verde.

Acho que a persistência consegue sim conquistar um coração, só é preciso ver se aguentamos chegar lá.

Cleo disse...

Lindo teu poema, parabéns, e que a esperança se faça realidade.
Beijos Nanda, um bom fim de semana.
Cleo

tossan disse...

Falas do amor com tanto esmero, sentimento, sem alarde como poucas...Gostei muito! A arte do rapaz é perfeita! Beijo

xistosa - (josé torres) disse...

Que beleza e hino ao verde.

Talvez por ainda estar verde (não maduro), esse amor ainda é esperança.

Um bom fim de semana.

Nany C. disse...

Nanda, concerteza meu amigo leu seu comentário e acredito que lhe agradece de coração.

Bjs!

ARCANO disse...

Sempre quis ter olhos verdes.

Momentos...volupté! disse...

Lembro dos olhos verdes de minha grande paixão, ou talvez grande amor. Não sei, só sei que não soube ter esses olhos pra sempre, ou pelo menos até o dia em que não mais existíssemos como vida. Quem sabe quando almas nós nos reencontraremos

Quando escuto "Olhos nos Olhos", me lembro dos seus olhos e de ter perdido aqueles olhos.
--------
Quando você me deixou, meu bem
Me disse pra ser feliz e passar bem
Quis morrer de ciúme, quase enlouqueci
Mas depois, como era de costume, obedeci !

Quando você me quiser rever
Já vai me encontrar refeita, pode crer
Olhos nos olhos,
Quero ver o que você faz
Ao sentir que sem você
Eu passo bem demais!

E que venho até remoçando
Me pego cantando
Sem mais nem porque
E tantas águas rolaram
Quantos homens me amaram
Bem mais e melhor que você

Quando talvez precisar de mim
'Cê' sabe que a casa é sempre sua,
venha sim!
Olhos nos olhos,
Quero ver o que você diz
Quero ver como suporta me ver tão feliz

(Chico Buarque de Hollanda 1976)

Outra coisa...

Lindo seu texto!!!