sábado, 16 de junho de 2012

Planos




Ainda conto dias e horas
e planejo na ponta do lápis
tudo o que combinamos pro ano passado.
Eu sei que não se deve viver de passado,
mas todo ano passa, e sempre planejamos
as mesmas coisas pro próximo,
cumprindo ou não,
os planos são os mesmos,
os anos são os mesmos,
não existe ano passado,
existem momentos passados.
E eu ainda espero passar muitos
momentos com vc,
quem sabe no ano que vem.

  (Nanda Assis)

2 comentários:

Kellen Bittencourt disse...

Olá Nanda, obrigado pela visita, bacana suas imagens de mangás, gosto muito, esse poema parece pessoal, muito lindo, tomara que aconteça! bjoooooosss me instalei por aki!

Pedro Luis López Pérez disse...

Planes que se repiten, sensaciones que se han vivido, pero no importa si se repiten con la persona que amamos y en el entorno que recoge nuestro aliento.
Precioso Poema. Me ha encantado.
Un abrazo.