domingo, 2 de julho de 2017

Meu leão.


Embedded image

Eu tenho um rio de palavras
desaguando no mar de sentimentos
que carrego em mim.
Eu olhei bem no fundo dos seus olhos hoje,
e você correspondeu.
Eu sinto o quanto você sente,
mas ninguém diz nada.
Eu qria tocar na sua pele no final,
mas não tive coragem.
Todos estavam lá te desejando coisas boas,
é a sua nova etapa.
Eu não tive coragem de ir até lá.
Eu sei que vc esperou por isso.
Mas eu não conseguiria te desejar nada
mais do que eu te desejo.
Eu não conseguiria te abraçar
sem arranhar as suas costas,
sem encostar bem pertinho pra senti-lo inteiro.
eu suei frio o tempo todo,
eu quis ir e não fui.
Eu fiquei te olhando até meu carro sumir de vista.
Eu não consigo dormir nem te esquecer.
Eu qria voltar a umas horas atras
mas eu estragaria tudo!
Como vai ser agora?
Como vou suportar a sua nova vida??
Me falta coragem, voz e tempo.
Como vou viver essa vida sem saber o sabor da sua boca?
Você me olha e molha os lábios com a lingua.
Você fica nervoso, gagueja e erra as palavras,
você coloca as mãos no bolso, coça a cabeça.
eu te descontrolo so em te olhar.
Você me escolheu.
E eu quero fazer parte disso.
Eu não posso pecar.

(Nanda Assis)

Um comentário:

brisonmattos disse...

Não vai ser agora, nem nunca. Odeio quem usa palavras em excesso pra explicar o que não se explica, nem se aplica.Fica repetitivo. Cansa.Vai vivendo aí que vivo bem por aqui também.