segunda-feira, 4 de maio de 2009

Ingratidão.


Esta semana esta em destaque as mães.
Mas deveria estar todos os dias, afinal
elas são a coisa mais importante neste mundo.
Se vc quiser saber quais são suas verdadeiras qualidades
e defeitos pergunte a sua mãe. 
Mas uma coisa que me indigna muito é saber
que muitas delas deixaram de ter uma vida tranquila
fácil, deixaram de se arrumar, se comer algo que queriam, 
visitar lugares, enfim, deixaram muitas coisas de lado, pra
dedicar aos filhos, dar de comer, de vestir, estuda-los...
E depois dos filhos crescidos, estudados, com bom emprego,
vida tranquila, simplesmente não se importam com suas mães.
É como se ela fosse apenas uma pessoa, a quem se visita, 
a quem passa um domingo e conversa. 
Acho que falta mais, falta a ajuda, o conforto.
Dar tudo que de melhor se possa dar a uma mãe ainda é pouco.
Pq só ela sabe o qnto se privou de vontades por um filho.
Me fere muito ver a ingratidão dos filhos.
Já que nesta data, próxima, todos os filhos se lembram de dar
um presente, algo que ela esteja precisando, em 
comemoração ao dia, deviamos fazer todos os dias, o dia das mães.
e começar a dar mais a essa pessoa que deu tudo que tinha 
e ainda daria a sua vida se fosse preciso.
Deixe a ingratidão de lado.

«««««««««««««««««««««««««««««◄


24 comentários:

Capreta disse...

Teu texto foi um tapa na cara sabia?
Mudei tem um tempo pra campinas e todo dia reclamo com minhas amigas que minha mae nao telefona pra mim. As vezes ficamos uma semana sem nos falar pqs eu de birra espero ela ligar!! To voando essa semana pra passar o dia das maes com ela, consciente que tenho que ser uma filha melhor e mais presente!
Beijao! :D

Bruno Fehr disse...

Concordo, mas existe também o oposto, de mães que não fizeram nada pelos filhos e só quando eles estão crescido, com bom emprego e confortáveis na vida, querem fazer o papel de mães que nunca foram.

As mães não são o mais importante deste mundo, só as boas mães o são.

Se perguntar à minha quais são as minhas qualidades e defeitos ela não saberá, aliás nem a minha comida ou cor favorita saberá.

JC disse...

Olá Nanda!
Há muitos filhosque realmente esquecem o que as mães fizeram, fazem e sempre farão por eles. Têm memória curta.
Mãe é o Ser mais bel do mundo
Faz tempo que não me visitas. Teno saudades tuas.
Beijinhos

Giselle disse...

Nanda,
infelizmente esse é o ado ruim de ser mãe né?
Corremos esse risco e não há como mudar, mas temos que dar amor sem esperar nada em troca, e eu amo, e faço tudo pelo meu filhote, agora se amanhã ele fizer isso comigo, o pau come, kkkk
Um beijo grande e parabéns pela grande mãe que tú és

Gabriela disse...

está ai uma VERDADE!

beijos

memoriasdeaquariana disse...

Olá amiga bloqueira mineira!
Gostei muito do seu blog!
Vc tem razão: as mães deveriam estar em destaque todos os dias!!!

Abraços!

Carol disse...

Nossa que legal isso que tu disse, pq existe muitas relações frustadas entre maes e filhos!
adorei beijos

Nanda disse...

Querida...

Eis uma verdade dificil de ser dita e mais dificil de ser ouvida e reconhecida...

Sim... existe a ingratidão... mas qual mae que se tivesse possibilidade de retroceder no tempo não faria exatamente tudo igual?

Por tal razão é o chamado amor incondicional...
Simplesmente porque amamos estes pequeninos seres que mesmo grandes continuaram a ser pequeninos para a gente, de forma totalmente desprendida...

E cá entre nós... tem coisa melhor do que ser mae?

beijos no coração

Luciana disse...

É Nanda,eu sou mãe e filha tbm e seu bem como são os dois lados...Não sou a melhor das filhas mais procuro ser,sei que poderia ser melhor,pq a minha mãe é sem dúvida a melhor das mães.Mais é complicado qnd ainda se é criança.(rs,eu ainda sou)
Ah!obrigada pelo comentário lá no meu cantinho.Nem sempre foi assim não,pra que eu aceitasse essa gravidez passei por um monte...mais agora ele ta chegando e não tem culpa de nada né?E não tem como não amar uma criaturinha tão pequenininha e indefeza e q ainda por cima é seu,seu filho,o seu sangue a sua cara.Acho impossível de não amar.
Xero

Sam disse...

Lindo e reflexivo!

Vou ainda ficar mais um tantinho aqui, decifrando cada palavrinha e sentindo, sentindo, sentindo...

Beijos Meus!
Carinho, Sam

Cöllyßry disse...

Também o contrario se faz muito nos tempos que correm, e não todo o dia de belo Ser que é Mãe?...

|)’’()
| Ö,)
|),”
|Beijitos

TaTy GaSpAr disse...

Ser mãe é dedicar-se completamente, é fazer sacrifícios... que, com certeza, devem ser reconhecidos e recompensados!!!

Feliz Dia das Mães!!!

PS. foto linda!

Thays Nascimento disse...

No meu caso, meus pais nunca se importaram comigo, sempre foram ausentes e depois que eu já tava criada, alimentada, com estudos e na faculdade me procuraram afim de ser meus pais...

Mas há pais diferentes...

Beijão. adorei seu blog! :b

Xana disse...

Lindo seu texto!!
Minha mãe a um ano atraz teve um infarte e ficou uma semana no CTI fiquei desesperada, tendo que gerir a familia, os empregados das terras da minha avó, as crianças, já que ela comanda tudo com braço de ferro.
Só pude me dar ao luxo de chorar 2 dias depois que botei tudo em ordem.
Mais meu desespero maior era que eu não tinha dito que a amava quando sai para trabalhar naquele dia, eu estava atrasada, com sono e já tinha acordado com dor de cabeça.
Ela me ensinou que sempre devemos dizer que amamos as pessoas porque podemos não ter mais a oportunidade, nunca se sabe o que vai aconteçer ao longo de um dia e elas podem sair da nossa vida sem compreender a importãncia que tinham para nós.
TE AMO VIU AMIGA!!
bju!!

Loira e Morena disse...

Q texto lindo Menina!
Conseguiu descrever meus sentimentos quanto a esse dia!

Beijaoo da Morena!

C. disse...

Todas as faltas sao compreendidas pelo fato das maes serem simplesmente maes.

Se vc é mae, um belo dia para vc!

Atreyu disse...

Mães são tudo!
Quem tem sabe o quanto é bom

Dois Rios disse...

Concordo com o Bruno Fehr, querida Nanda! Há mães que são injustiçadas pelos filhos mas há também filhos abandonados e sem o amor materno. Eu conheço vários casos, tanto de um quanto de outro.

O bom seria que todos praticassem o amor e deixassem os ressentimentos e mágoas de lado.

Beijos,
Inês

My World disse...

Olá,

Vim conhecer o teu Blog através do Blog da Renata, gostei dele, gosto de conhecer outros Blogs.

Bjs

Luciana

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

Olha,
a palavra parada;
Luta,
por letras ocultas;
Ouça,
os versos internos
Solta,
a nudez poética;
Escreva-se,
poesia
ao menos um dia,
Seja.

(Maísa)

Desejo uma linda semana com muito amor, esperança e carinho.
Abraços.
Eduardo Poisl

conversaatrevida disse...

Texto cheio de verdades...

Embora nem toda mãe seja como as descritas como no seu texto, ou mostrada pelos comerciais ...

Mas a que amam, criam, zelam e oram por seus filhos merecem que eles lembrem sempre dela...Não só quando elas não estiverem por perto, quando lhes faltar.

bjo

Atrê

©tossan disse...

Nanda, Bela mensagem! Todos deveriamos dar o melhor pra elas.
Tive minhas falhas como filho, mas agora tento dar todo o carinho que ela merece. Beijo


PS: A foto do teu perfil é fantástica de linda!

Ric disse...

Isso mesmo Nanda!
Vamos cuidar melhor das nossas mãezonhas.

Beijos!

conversaatrevida disse...

olha, eu confesso que tive que rir lá no post do swing...

é que vc disse que 'ficava de fora', aí CLARO alguém já insinuou que tu ia ficar de fora...MAS espiando....rs

bjo

Atrê