BLOGGER TEMPLATES AND YouTube Layouts »

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Amor eterno



Amor eterno, é aquele que não foi vivido.
Ficará pra sempre a imaginação de como teria sido,
a certeza de que daria certo,
o desejo sempre aceso...
E todas as vezes que outros amores não derem certo,
a lembrança daquele aparecerá como um tiro,
abrindo um buraco na cabeça ou no coração,
fazendo sangrar toda a falta de coragem de não ter lutado,
sangrando as vezes que exitou em telefonar,
sangrando todas as falas que foram caladas.
Sangra sim, o arrependimento e os erros.
E a cada amor novo, ainda assim, se lembrará
que poderia ter sido diferente, que certamente,
não teria espaço para novidade alguma.
O amor não vivido, será eternamente novidade na lembrança,
será eternamente uma lembrança inventada,
um refúgio, uma companhia na solidão.
Será pra sempre a história mais linda a ser contada,
para os filhos e para os netos, as vezes com princesas,
e principes para que as crianças não percebam
a covardia de não ter lutado até o fim.
E no fim, ainda se lembrará.
Por que o amor não vivido é o único amor eterno.
E por ser eterno, e por não ter sido,
é perfeito! É do nosso jeito.
É o que somos!

(Nanda Assis)

6 girassóis floreceram.:

brisonmattos disse...

rídículo pensamento, Desculpa.

brisonmattos disse...

troque o título para "amor fracassado"

MARILENE disse...

Eternizamos o sonho de felicidades e nos afastamos da realidade, sem perceber que o que deve ser valorizado está bem ao lado, na convivência diária. E nem sempre se mostra encantado. Bjs.

Zilani Célia disse...

OI NANDA!
ME PERECES SER MUITO JOVEM, DAÍ, MINHA ESTRANHEZA PELA PROFUNDIDADE DE TEUS ESCRITOS.
AMORES NÃO VIVIDOS, SÃO AQUELES QUE NÃO FORAM COMPARTILHADOS,TALVEZ POR ISTO MARCAM TANTO QUEM O SENTIU.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Thomas Albuquerque disse...

Obrigado pela nobre visita em meu blog..beeijos

Nanda Assis disse...

Não da pra ser amor fracassado, por que eu não escrevi sobre um amor que não deu certo, se vc tivesse lido com mais carinho teria entendido, eu escrevi sobre um amor que nunca aconteceu, que ficou só na vontade e por isso ele se tornou eterno. Se não for ler, nem entre aqui, e se for ler, leia direito. Agora se não gostou eu respeito, é direito seu, to nem aí, eu gostei e pronto. ainda bem que o blog é meu.

bjos...